Sementes

31 de maio de 2011





E digo isto: Que o que semeia pouco, pouco também ceifará; e o que semeia em abundância, em abundância ceifará.
Cada um contribua segundo propôs no seu coração; não com tristeza, ou por necessidade; porque Deus ama ao que dá com alegria.
E Deus é poderoso para fazer abundar em vós toda a graça, a fim de que tendo sempre, em tudo, toda a suficiência, abundeis em toda a boa obra;
Conforme está escrito:Espalhou, deu aos pobres;a sua justiça permanece para sempre.
Ora, aquele que dá a semente ao que semeia, também vos dê pão para comer, e multiplique a vossa sementeira, e aumente os frutos da vossa justiça;
Para que em tudo enriqueçais para toda a beneficência, a qual faz que por nós se dêem graças a Deus.
Porque a administração deste serviço, não só supre as necessidades dos santos, mas também é abundante em muitas graças, que se dão a Deus.
Visto como, na prova desta administração, glorificam a Deus pela submissão, que confessais quanto ao evangelho de Cristo, e pela liberalidade de vossos dons para com eles, e para com todos;
E pela sua oração por vós, tendo de vós saudades, por causa da excelente graça de Deus que em vós há.
Graças a Deus, pois, pelo seu dom inefável.

2 Coríntios 9:6-15


Aproveitando o clima de Shavuot, que tem em sua temática a colheita, quero falar a respeito da semente. Afinal, se colhemos é porque plantamos, e se plantamos é porque tínhamos uma semente.
Ninguém colhe um fruto antes de ser plantado. Para colhermos é necessário plantar a sementinha, e para que ela germine, brote, cresça de dê frutos, essa semente precisa ser cuidada.  A semente para brotar necessita de água e luz, ou seja, precisa de um lugar propício para crescer. E dentro desse assunto quero abordar três tópicos:

1 - Recebendo sementes.

E Deus, que dá a semente para semear ... também dará a vocês todas as sementes que vocês precisam ..

É muito natural, quando estamos diante de algum problema, orarmos e esperamos que o Eterno nós de frutos maduros no lugar de semente. Talves seja pela nossa cultura, acostumada a receber tudo mastigado, pronto, sem esforços. Mas vejo que Deus não nos quer acomodados, preguiçosos. Ele tem poder para nos dar frutos prontos, e aqui falo de uma variedade de coisas, mas Ele deseja que nós plantemos nossas sementes afim de colhermos nossos frutos. Na festa de Shavuot se colhia o fruto do trabalho no campo (Exodo 23:16 E a festa da sega dos primeiros frutos do teu trabalho, que houveres semeado no campo, e a festa da colheita, à saída do ano, quando tiveres colhido do campo o teu trabalho), ou seja, frutos de sementes que foram semeados, cuidados, e então colhidos.

É muito fácil por ex, precisarmos de um emprego, orarmos e cruzar os braços esperando que alguém bata em nossa porta nos oferecendo emprego. Ou então, precisando de uma cura, orar simplesmente e não se cuidar. 

Deus nos dará sementes para plantarmos em todas as áreas de nossas vidas, seja espiritual, material, emocional.

Uma pessoa que necessita de um emprego deve orar a Deus pedindo-lhe sementes, que poderá ser uma ideia um curso/especialização, uma indicação, mas, isso só acontecerá quando você tomar a atitude de fazer algo. Preencher um currículo, ir em busca de algumas empresas, melhorar sua capacidade, e etc... são sementes que estão sendo plantadas e que certamente darão frutos. E todo o fruto que você colher deve ser para ações de graças a Deus e para praticar a generosidade. 

Uma pessoa enferma deve buscar se cuidar, tomar o remédio adequado, e não apenas achar que Deus tem a obrigação de cura-la e ponto final. É claro que Ele é poderoso o bastante pra conceder cura, mas dificilmente somos gratos, ou, valorizamos, algo que recebemos de "graça". Plantar as sementes e esperar os frutos, nós torna pessoas mais gratas e aprendemos a dar mais valor ao que colhemos. Um tratamento, um remédio, seja o que for, são sementes para uma pessoa enferma. Alias, a pessoa pode não ser curada pelo Eterno, nem pelo remédio, mas, pode receber a bênção de ter uma vida boa apesar da enfermidade.

Não devemos reter os frutos para nós, mas partilharmos com o nosso próximo. É por isso que Deus nos prospera, para abençoarmos generosamente a outros, afim de que Deus seja visto em nós e glorificado.

Portanto, se há alguma necessidade em sua vida, seja em que área for, não espere colher frutos prontos, plante sementes, regue a terra, cuide para que essa semente cresça e dê frutos bons, frutos de justiça. E se você ainda não tem as sementes em mãos, peça a Deus que Ele lhe dará, e lhe prosperará para que você possa usar de generosidade com seu próximo. 

Mas apenas entenda que, a prosperidade não tem necessariamente a ver com riquezas materiais. E sim, com condição e capacitação suficientes para que você possa abençoar outras pessoas com aquilo que Deus te deu. Seja uma cura, um emprego, sabedoria, compaixão e etc... 

Uma pessoa rica, ou prospera, não é aquela que mais tem, mas sim, aquela que mais é generosa, ainda que com pouco. Generosidade não significa quantidade, e sim, qualidade, nobreza, bondade. Lembram-se da viúva pobre?

Lucas 21:1-3
E, olhando ele, viu os ricos lançarem as suas ofertas na arca do tesouro;
E viu também uma pobre viúva lançar ali duas pequenas moedas;
E disse: Em verdade vos digo que lançou mais do que todos, esta pobre viúva

Porque? Porque embora tivesse pouco em dinheiro, teve muito em bondade e generosidade.

Por isso, a semente que você plantar dará frutos para que você possa contribuir, generosamente e com alegria, em toda a boa obra. 

2 - Nós como sementes

Jesus disse em Mateus 13:37-38

E ele, respondendo, disse-lhes: O que semeia a boa semente, é o Filho do homem;
O campo é o mundo; e a boa semente são os filhos do reino; e o joio são os filhos do maligno;

Nós fomos semeados nesse mundo para darmos frutos de justiça. 

A Palavra diz em I Joao 4:8
Aquele que não ama não conhece a Deus; porque Deus é amor.

Podemos deduzir que, assim que quem não ama não conhece a Elohim, quem não conhece a Elohim não ama. Por esse motivo o mundo está frio em amor, afinal, falta Elohim no coração de muitos. 

1 João 3:1, 17-18
Vede quão grande amor nos tem concedido o Pai, que fôssemos chamados filhos de Deus. Por isso o mundo não nos conhece; porque não o conhece a ele.

O mundo não conhece esse amor que emana de Deus pois não conhece a Deus. 

Se Deus está em nós verdadeiramente, seu amor também está, devemos então levar esse amor/Deus a outros. 
Fomos lançados nesse mundo como boas sementes, que crescemos em Jesus o Cristo para sermos árvores de frutos bons, e pelos frutos a árvore é conhecida. 

Mateus 7:17 Assim, toda a árvore boa produz bons frutos, e toda a árvore má produz frutos maus.
Mateus 7:20 Portanto, pelos seus frutos os conhecereis.

E através de nós Deus será reconhecido

3 - Nós como semeadores

E como levamos esse amor a outros? Ora, praticando atos de bondade e misericórdia. Semeando novas sementes.

I João 3:17-18
Quem, pois, tiver bens do mundo, e, vendo o seu irmão necessitado, lhe cerrar as suas entranhas, como estará nele o amor de Deus?
Meus filhinhos, não amemos de palavra, nem de língua, mas por obra e em verdade.

Ora, se Deus é amor e se o amor de Deus está em nós, devemos semear esse amor através de nossa generosidade e bondade.


Quando semear?

Eclesiastes 11:6 Pela manhã semeia a tua semente, e à tarde não retires a tua mão, porque tu não sabes qual prosperará, se esta, se aquela, ou se ambas serão igualmente boas.

II Tim 4:2 -  "em tempo e fora de tempo"

Teremos muitas oportunidade de lançarmos sementes nos corações das pessoas. Devemos ficar atentos a todas elas.

Seja um abraço, um sorriso, um colo, um conforto, uma palavra de ânimo, obra de justiça e etc... E não esquecendo acima de tudo, que a Semente da Palavra de Deus (Lucas 8:11) deverá ser semeada em cada oportunidade.

2 Coríntios 9:12 Porque isso que vocês fazem não somente ajuda o povo de Deus que está necessitado, mas também faz com que eles façam muitas orações de gratidão a Deus.    
2 Coríntios 9:13b ...  E eles também darão glória a Deus pela oferta generosa que vocês estão dando a eles e a todos os outros.  

Receberemos sementes, que crescerão e darão frutos para abençoarmos tantos outros. 
Podemos começar semeando o amor de Deus, o que acham?





Reação:
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Obrigada pelo Comentário. Responderei assim que possível.
Andressa Bragança

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...